Facebook
Twitter
Youtube
Flickr

Notícias

Documentos para vacinação contra Covid-19 de lactantes são atualizados

Declaração preenchida por uma equipe multiprofissional de saúde também será aceita
Data de inclusão: 29/06/2021 17:26

O Município de Itajaí, por meio da Secretaria de Saúde, informa que o Governo do Estado atualizou os documentos que podem ser apresentados no momento da vacinação contra Covid-19 de lactantes. Além de relatório médico ou prescrição da vacina contra Covid-19, as mulheres também podem apresentar declaração preenchida por uma equipe multiprofissional de saúde, bem como documento de identidade com foto e/ou cartão SUS, declaração de nascimento da criança ou certidão de nascimento.

A declaração preenchida por uma equipe de saúde durante abordagem à lactante foi incluída nos documentos obrigatórios na Nota Informativa nº 009/2021, da Diretoria de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado da Saúde. A imunização das lactantes que amamentam crianças menores de um ano, gestantes e puérperas sem comorbidades ocorre no Centreventos de Itajaí, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h30.

A documentação das gestantes e puérperas (até 45 dias após o parto) sem comorbidades segue igual. As mulheres precisam comprovar a condição por meio de relatório médico, carteira de acompanhamento da gestante/pré-natal, declaração de nascimento da criança ou certidão de nascimento. Além disso, a vacina deve ser prescrita pelo médico que acompanha a mulher.

Os documentos exigidos pelo Governo do Estado seguem as orientações da bula do fabricante da vacina, que orienta que o medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas ou no pós-parto sem orientação médica. Ou seja, a decisão de vacinar deve ser feita após uma análise conjunta entre o médico e a paciente dos riscos e benefícios do uso da vacina contra Covid-19.

Facebook
Twitter
Youtube
Flickr
Todos os direitos reservados © 2021- Município de Itajaí